terça-feira, 6 de dezembro de 2016

Ladston do Nascimento é atração da última edição do LPQTQ de 2016


Livro Pra Que Te Quero
EmCantos
15 de Dezembro de 2016 de 19 às 22h e 30 minutos no Mercado Velho
Escambo de Livros e Gibis, Arrecadação de Brinquedos para o Natal, 
Programação artístico Musical: Música
19 às 20h – Pablo Aquiles-MPB
20 às 22:30- Ladston do Nascimento
Artes:
Pintura Artística , Exposição de Desenhos e Artesanato Diamantina Viva
Gourmets:Chopp Ashby, Café A Baiuca e Grupiara
Espaço Cult: Cultura Inglesa
Parísina,, Mara e Giselle  e Pavio Real – Artesanatos Diamantina Viva
Oficina Criativa: Ludoteca e Cenasr
Patrocinadores: Pousada Vila do Imperador, Pouso da Chica, Diamante Palace Hotel
Apoio Cultural: Restaurante Fino Trato, Imobiliária Seabra, Posto Rio Grande, Pousada Relíquias do Tempo, Restaurante Apocalipse, Restaurante Deguste, Roque Car, Marcus Vinícius e Cenasr
Som e Iluminação: Pro Audio
Internet free : Fxnet
Divulgadores: Pro Audio, Radio 98, Rádio Universitária, Voz de Diamantina, Passadiço Virtual.
Equipe de Produção: Cláudia Pereira, Luiz Gustavo, Thayná Pereira, Raquel Galiciolli, Gabriel Botelho, Sarah Pires, Mattheus Pereira, Arlete Alves, Adão Azevedo.
Você é nosso convidado especial.
Juntos somos mais!
Cláudia Pereira
Patrocinadores, apoiadores, investidores, artistas, colaboradores, expositores: agendem sua participação para participação em 2017 através do email livropqtq@gmail.com :
MARÇO-09 de março
ABRIL-20 de abril
MAIO-18 de maio
JUNHO-15 de Junho
JULHO-13 de Julho
SETEMBRO-Semana JK-dia 07 de Setembro
OUTUBRO-12 de Outubro-dia da criança
NOVEMBRO-16 de Novembro
DEZEMBRO- 14 de dezembro

Projeto Plantando Educação, Colhendo Cidadania






O projeto é uma iniciativa da Coordenadoria Regional das Promotorias de Justiça de Meio Ambiente das Bacias dos Rios Jequitinhonha e Mucuri (MPMG) e foi realizado pelo Instituto Biotrópicos, através do seu Centro de Educação Ambiental Conserva Mundi.

Visa enriquecer os saberes e contribuir para a qualificação de professores de 4º e 5º anos das escolas da rede pública municipal situadas nas regiões abrangidas pelos Rios Jequitinhonha e Mucuri, nordeste de Minas Gerais, tendo como tema principal a abordagem de questões ligadas a conservação ambiental, de modo especial, dos remanescentes de vegetação nativa e dos recursos hídricos.

Produção: Rupestre Imagens
contato@rupestreimagens.com
www.rupestreimagens.com

sexta-feira, 18 de novembro de 2016

Mais cabeças pensam melhor

Escola no Vale do Jequitinhonha aposta no diálogo e na participação da comunidade. Educação integral foi fundamental para mudar a realidade dos jovens na zona rural de Diamantina, Minas Gerais.



Uma estrada de terra em mau estado, coalhada de pedregulhos, com cinco precárias pontes de madeira é o único acesso para Inhaí, simpático distrito de Diamantina. É ali, em uma das regiões mais pobres de Minas Gerais, que vamos encontrar a Escola Estadual João César de Oliveira, vencedora nacional do prêmio Itaú-Unicef de 2015 com o projeto Eu, Você e a Escola, Educação que Transforma.

Clique aqui para ler a reportagem completa.

quarta-feira, 9 de novembro de 2016

Confira a programação do "Livro Pra Que Te Quero" desta semana


Programação do mês Livro Pra Que Te Quero

PÁTRIA
17 de Novembro de 2016 de 19 às 22h e 30 minutos no Mercado Velho
  • Escambo de Livros  e Gibiteca
  • Sebo a preço popular
  • Artesanatos Diamantina Viva
  • Oficina Criativa
  • Exposição de Fotografias com Roberval Cruz
  • Dança do Ventre com Grupo de Dança Lha Alhanbra de Amelie Spadano
Ingresso:
O participante receberá uma identificação adquirida na bilheteria do evento ( um passaporte no valor de R$ 10,00 – dez reais ) contribuindo assim para sua sustentabilidade.
Programação artístico Musical:
  • Música- Nino Aras-MPB
  • 20:30 às 21:00-Dança do ventre e Flamenca – Academia Lha Alhambra – Amellie Spadano
  • Exposição de fotografias de Roberval Cruz-Foto-Síntese
Gourmets:
  • Butiquim da Quitanda-Chopp Ashby
  • Café A Baiuca- Cerveja artesanal
  • Grupiara-Petiscos e porções
  • Cultura Inglesa
  • Parísina , Giselle e Mara – Artesanatos Diamantina Viva
Oficina Criativa:
  • Ludoteca
  • Cenasr
Patrocinadores:
  • Pousada Vila do Imperador
  • Pouso da Chica
  • Diamante Palace Hotel
Apoio Cultural:
  • Restaurante Fino Trato
  • Imobiliária Seabra
  • Roque Car
Som e Iluminação: Pro Audio
Internet free : Fxnet
Equipe de Produção: Cláudia Pereira,Raquel Galiciolli, Luiz Gustavo, Alâne Quadros, Thayná Pereira, Mattheus Pereira, , Arlete Alves, Leo Marques e Adão Azevedo
Você é nosso convidado especial.
Juntos somos mais!

terça-feira, 25 de outubro de 2016

Artigo analisa louças encontradas no quintal da casa de Chica da Silva


O projeto de escavação do quintal da casa da Chica da Silva é uma iniciativa do Instituto Nacional do Patrimônio Artístico e Histórico de Minas Gerais (IPHAN-MG), em parceria com o Laboratório de Arqueologia e Estudo da Paisagem/ Núcleo de Geociências/ Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri (LAEP/NUGEO/UFVJM). Durante as escavações do setor 06 foram evidenciados 15.328 fragmentos, desse total, trinta e sete por cento correspondem à cultura material representada pelas louças, que possui uma imensa variedade de pastas, motivos, estilos, técnicas, etc. Desse modo, as louças foram o objeto de estudo desse artigo, suas análises tiveram como intuito compreender melhor sobre qual era a sua importância no período e, alcançar informações mais assertivas sobre as relações sociais e simbólicas de Diamantina do século XIX. Para a análise do material foram levados em consideração os seguintes atributos presentes nas louças: Tipo de pasta, técnica decorativa, esmalte, tipo de fragmento, forma, estilo/motivo/padrão, cor do desenho e data de fabricação quando disponível. As louças foram analisadas por fragmentos e por NMP (número mínimo de peças). Assim, por meio desses e outros atributos foi possível inferir sobre o período de mais intensa ocupação da casa e também sobre o padrão de consumo da(s) família(s) que nela residiu nesse período. Os resultados obtidos foram ao encontro dos objetivos propostos no trabalho, fornecendo informações sociais, simbólicas e individuais de um espaço doméstico do século XIX.

IFNMG oferece cursos de Extensão




segunda-feira, 17 de outubro de 2016

Desvairados no teatro Santa Izabel

Edição desta quinta do LPTQT tem participação do Projeto Disco e Mundo Mirim


Livro Pra Que Te Quero

Mundo Mirim
         20 de Outubro de 2016 de 19 às 22h e 30 minutos no Mercado Velho
Escambo de Livros
Gibiteca
Artesanatos Diamantina Viva
Banco de Trocas
Oficina Criativa
Pintura artística Infantil com Mara
Projeto Disco In Cena com Antônia Javier-UFVJM
Performance em Lingua Estrangeira com Cultura Inglesa
Show com a Banda Analógico 01
O participante receberá uma identificação adquirida na bilheteria do evento ( um passaporte no valor de R$ 10,00 – dez reais ) contribuindo assim para sua sustentabilidade.
Programação artístico Musical:
Projeto Disco In Cena – UFVJM com Antônia Javier
19 h às 20:30-Mundo Mirim: as cantigas de roda, lendas e mitos do folclore brasileiro
De 20:30 às 21 h-Apresentação do Cultura Inglesa-Lingua Inglesa
21h às 22:30-Apresentação da Banda Analógico 01
Gourmets:
Butiquim da Quitanda-Chopp Ashby
Café A Baiuca- Cerveja artesanal
Casa Real-Hambúrgueres e sucos
Grupiara-Petiscos e porções
Espaço Cult:
Cultura Inglesa
Parísina e  Mara -Artesanatos Diamantina Viva
Oficina Criativa:
Ludoteca
Cenasr
Patrocinadores:
Pousada Vila do Imperador
Pouso da Chica
Diamante Palace Hotel
Apoio Cultural:
Restaurante Fino Trato
Academia Splash
Imobiliária Seabra
Dr. Marcus Vinícius
Roque Car

Som e Iluminação: Pro Audio
Internet free : Fxnet
Equipe de Produção: Cláudia Pereira, Raquel Galiciolli, Luiz Gustavo, Thayná Pereira, Mattheus Pereira, Suellen Vitória, Sarah Pires, Arlete Alves, Leo Marques e Adão Azevedo
Você é nosso convidado especial.
Juntos somos mais!

segunda-feira, 3 de outubro de 2016

Do pó da terra

do Pó da Terra - Trailer from notoriousfilms on Vimeo.

A resignação dos moradores do Vale do Jequitinhonha vem diretamente do pó da terra que um dia gerou o homem, que um dia transformou miséria em arte. Cada rosto esculpido no barro revela um sulco cavado na pele sofrida destas pessoas que lutam e amam muito o que fazem. 


Documentário, Brasil, 2016, 79 min


Direção: Mauricio Nahas
Roteiro: Di Moretti
Fotografia: Rodrigo Carvalho
Montagem: Tatiana Toffoli
Música: Cézar Brandão
Produção: Notorious Films

Barro, cultura da necessidade




O chão de barro rachado é a miséria lembrando como a monocultura de eucalipto matou a agricultura familiar por ali. Ironicamente, o mesmo barro virou matéria-prima da cerâmica, moldada pacientemente por mulheres que criaram uma cultura e um trabalho para contrariar a imposição da fome. Nesse retrato doído e longínquo do Vale do Jequitinhonha, o fotógrafo paulistano Maurício Nahas foi registrar de perto rostos, mãos, olhares, desilusões e mudanças na cultura dos moradores de um lugar conhecido como “Vale da Miséria”. O resultado está no livro, na exposição fotográfica e no documentário reunidos no amplo projeto “do Pó da Terra”, que ele apresenta em bate-papo amanhã, na Casa Fiat de Cultura, como convidado do Foto em Pauta.